Filmes e Séries

3 Lições do filme “Um Momento Pode Mudar Tudo” sob o olhar da Neuropsicologia

1) O filme conta a história de uma confiante mulher e esposa, bem-sucedida e admirada por todos, que é surpreendida com uma terrível doença: a ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica), tratando a doença no seu lado mais “cru”. A obra mostra como uma enfermidade pode desumanizar as relações de uma mulher madura e a coisificá-la, gerando nela um grande desconforto em relação a sua humanidade e própria natureza.

2) A doença, que invade a vida e o casamento de Katie de maneira repentina, a faz precisar de alguém que a acompanhe, momento em que surge a figura de uma cuidadora que se depara com um trabalho que vai além do profissional e que lhe transforma enquanto pessoa. A relação de Katie e sua cuidadora parece se mostrar como uma redenção para essas duas mulheres tão opostas, mas que têm muitas coisas para aprender uma com a outra, e ambas com a vida.

3) Além de evidenciar a ELA, o filme reflete também acerca das relações familiares - no filme, principalmente entre a protagonista e sua mãe -, do casamento após o diagnóstico de uma doença degenerativa e do papel do cuidador, que aqui é elemento fundamental na construção do significado da doença e na forma como a paciente a enfrenta.

Voltar