Publicações

Esportes e Neuropsicologia: O que tem a ver?

Sim, tem tudo a ver!

Principalmente quando falamos sobre o desempenho de atletas em diferentes modalidades! A Neuropsicologia pode contribuir muito para os estudos sobre cognição e ação nos esportes coletivos.

Nas modalidades esportivas de alta estratégia, como voleibol, basquete e futebol, a cognição é fundamental para os processos de seleção de resposta! A seleção de respostas envolve a coordenação das funções executivas, tendo em vista que há uma constante mudança no ambiente (ex.: mudança na posição do oponente e dos companheiros de equipe, velocidade do jogo, mudanças de estratégias), forçando o atleta a inibir respostas pré-planejadas, antecipar ações, coordenar os segmentos corporais e usar do raciocínio e respostas rápidas.

Conforme já vimos na nossa #OrquestraCognitiva, as funções executivas estão na base da nossa lógica, estratégia, tomada de decisão e resolução de problemas. Por isso, assim como em nossas atividades diárias, elas estão presentes em inúmeras situações esportivas.

Fonte: LAGE, Guilherme. (2015). Neuropsicologia, cognição e ação nos esportes coletivos.

Voltar